USINA FLUTUANTE – energia de forma sustentável

Energia de Forma Sustentável

 Este projeto está sendo divulgado por uma empresa alemã chamada Verein GAIA e possui uma parceria com a empresa, também alemã, ROSCH sendo que esta irá fornecer a tecnologia para a produção da usina. Com base na grande experiência do projeto, esta empresa (ROSCH) fornece a segurança técnica e econômicas necessárias para que o sistemas entre em funcionamento. Segundo a empresa, esta usina possui tecnologia suficiente para fornecer energia de forma independente, ou seja, pode suprir toda a energia que uma casa de porte médio utilizando um usina de 5 metros de altura conforme a foto ao lado proporcionando assim energia de forma sustentável.

Produção

Outros modelos já foram desenvolvidos em 2015, inclusive de porte maior, chegando a produzir 15KW de energia. Base do sistema é o uso consistente das leis físicas da flutuabilidade em um controle significativo em conjunto com um gerador especial. Nenhuma máquina de movimento perpétuo, mas o uso consistente de diferenças de energia entre dois sistemas.

A flutuação natural assistida mecanicamente de recipientes cheios de ar que opera optimizado para este tipo de gerador de transmissão de energia, é uma parte importante desta tecnologia. A tecnologia é a manutenção e graças duráveis ao seu design. Ele vem completamente sem produtos químicos e combustíveis fósseis.

Como Funciona 

O sistema inicia seu funcionamento através de uma fonte de energia externa para colocar em funcionamento um ou mais compressores que colocam ar comprimido dentro dos cilindros. Neste momento geralmente é colocado os cilindros em movimento manualmente e assim o sistema se auto sustenta e a energia externa já pode ser desligada proporcionando assim energia de forma sustentável.

Geração de Energia

O movimento dos cilindros (reservatório de flutuação) é transmitido através de uma caixa de velocidades para um gerador que produz eletricidade. Parte desta eletricidade é utilizada pelo compressor que bombeia continuamente o ar para os tanques de flutuação para apoiar a sua flutuabilidade natural. Um gerador especial é adaptado para atender essas revoluções resistentes e produz, no total, mais eletricidade do que é consumido para a obtenção do movimento, o excedente é utilizado para consumo diversos.

Benefícios 

  • Reduzir a procura externa de energia elétrica pública a um patamar mínimo!
  • Apoiar a redução do consumo de combustíveis fósseis economizando dinheiro e contribuindo com o meio ambiente através da diminuição de construção de usinas hidrelétricas.
  • Criar sua própria eletricidade reduzindo de forma parcial ou total a conta de energia.

Espaço

O espaço útil é cerca de  0,5 x 0,5 metro de base e possui uma altura de 5 metros. Estas medidas é de usina de porte médio segundo a empresa GAIA, suficiente para uma casa de porte médio. Existem outros projetos de usina maiores, mas aparentemente ainda não para fins comerciais. A empresa Verin GAIA já comercializa esta usina desde 2015, com o preço de € 13.410,00 (valor do ano de 2015) incluindo todo o material necessário para a construção da mesma e um custo mensal de 15,00 euros para manutenção ou substituição de componentes, estes preços para países da Europa.

Para ver mais vídeos acesse o canal no youtube.

28 Comentários

  1. É necessário que haja pessoas no brasil mostrando que montaram a usina flutuante e que esteja funcionando.

    • Sim concordo, este é um assunto polêmico as pessoas precisam ver na prática. Mas segundo a internet,existem pessoas até tentando fabricar e vender um protótipo. Acredito que esta usina é possível, mas deve ser rigorosamente dentro das normas e medidas.

    • Para o modelo do vídeo não é fabricado o kit aqui no Brasil, mas pode ser fabricado as peças sem muita dificuldade. Somente a empresa Verien Gaia da Alemanha está produzindo o kit. Existe fabricando a usina, mas com outros padrões e medidas.

  2. Procuro um sócio que queira bancar o material de despesa para fabricação de duas usinas, uma fabrico as duas em troca do material de uma .
    Contato em Florianópolis
    Fone fixo ?48 3263 3908
    Tim. 9 9964 0847
    Oi.9 8429 8120 claudio.?✈????????♻?????.

  3. Procuro um sócio que queira bancar o material de despesa para fabricação de duas usinas, uma fabrico as duas em troca do material de uma .
    Contato em Florianópolis
    Fone fixo ?48 3263 3908
    Tim. 9 9964 0847
    Oi.9 8429 8120 claudio.?✈????????♻?????.

  4. Existe no Brasil alguem com uma usina desta em funcionamento para ver se funciona perfeitamente?

    • Olá eu creio que não funcione na prática, pois no vídeo notem que são usados compressores elétricos! sim elétricos kkkkk na minha opinião não tem sentido converter a energia mecânica em energia elétrica depois voltar para energia mecânica . Tirando tudo elétrico do projeto seria possível ele funcionar com um compressor mecânico ? será que ele conseguiria gerar tração o suficiente para o compressor bombear ar o suficiente para ser sustentável?

      • Sua observação é interessante mas se o compressor fosse movido mecanicamente no início ficaria mais difícil a partida já que exige fonte externa

      • yo la patente en 2006 y teniendo las piezas apropiadas es la maquina mas completa para generar electricidad limpia y sin dependencias metereologicas ya que puede funcionar las 24 horas del dia.

      • Segundo os construtores os compressores funcionam com a energia do gerador e o excedente de energia elétrica vai pra consumo externo. Em outras palavras a usina produz mais energia do que consome.
        Obrigado pelo interesse.

  5. Olá Cláudio.
    Tbm tenho interesse em construir
    Uma usina igualmente essa do video. Quantos vc acha que ficaria uma desse porte?

  6. nao sei quanto gasta pra fazer uma desas mais acredito no seu funcionamento devido a altura pois o cilindro com ar leva mais tempo fazendo força pra cima se eu encontrasse um amigo que patrocinasse o material eu empregaria meu tempo e meu conhecimento e trabalharia nesse projeto so nao fiz a minha ainda por falta de verba mais acredito plenamente que funcione desde que se consiga obiter a quantidade de ar suficiente pra manter os tubos cheios

    • essa conversa de que se eu tivesse um socio com dinheiro eu faria e trocava meu trabalho isso é papo furado o cara que tem grana ele mesmo faz pra fazer uma o custo e de 3.600 reais de 5 metros porque o mais dificil é o gerador tem fabricar um com rotaçao baixa porem pesado , o compressor encontra em qualquer butiquim e o resto é corrente engrenagens e bicos pneumaticos de ar da festo e 4 mancais e dois eixos mangueiras pu 16 e 1 valvula giratoria de saida em 3 vias de ar mais cilindros de 10 polegadas de pvc no caso é so comprar tubo de pvc de 10 polegadas e fazer á mais um painel de controle pra receber a tensão gerada do gerador pra 2 saidas de alimentação 1 pro compressor e outra pra casa e é isso ai

  7. gostaria de fazer um trabalho de tcc escolar mas nao consegui encontrar conteudo para dowloads alguem pode me ajudar

  8. O sistema e perfeitamente possível. A lógica é a quantidade de tambores cheios de ar trabalhando ao mesmo tempo, enquanto o compressor trabalha para encher um de cada vez ou no máximo três por vez.
    Assim, quanto mais alto o tanque, mais tambores que resulta em mais força com o mesmo consumo de ar comprimido.
    Estou desenvolvendo um protótipo com materiais de sucata para diminuir o custo.
    Minha preocupação é com a manutenção dos equipamentos sobretudo o compressor que em tese funcionaria 24 horas.
    Talvez se conseguir colocar um compressor maior, desses que comprime o ar em cilindro e dispara seu funcionamento de forma intermitente pode ser mais viável.
    A parte mecânica é simples e relativamente barata. O mais caro são os componentes elétricos (gerador, regulador de tensão, inversor etc.).
    Se Alguem tiver dicas para diminuir os custos com os equipamentos elétricos por favor entre em contato.
    E-mail: raelvei@hotmail.com

    • Olá Israel Moreira, eu no teu lugar fazia um protótipo em miniatura com uma saída de uma poleie diretamente a uma cabeça de um compressor utilizando uma palie grande na saída da usina para uma poleie pequena no compressor assim não corres muitos ricos de gastar muito dinheiro, evitando assim o gerador, dá para ficar com uma noção se funciona ou não, muito sinceramente eu tenho as minhas duvidas quanto a esta festa toda, quem o fizer corre sempre riscos.

  9. Galera, isso é moto perpétuo, não funciona como vocês estão pensando. Sou professor de física para engenharias. O compressor gasta mais energia que é gerada pelo aparato. Simples assim.

  10. A conservação da energia diz que, em um sistema fechado, ela não pode ser criada nem destruída. Podemos apenas transformar um tipo em outro.

    Já a segunda Lei da termodinâmica diz que a cada transformação, sempre que eu tenho um processo irreversível, uma parte da energia da energia fica inutilizável para produção de trabalho (por exemplo quando se considera o atrito ou a viscosidade). É importante ressaltar que a energia não é destruída, apenas fica inutilizável para produção de trabalho.

    Tendo isso em mente, essa usina não pode produzir energia. Nem o sol faz isso, ele apenas transforma. Então eu preciso fornecer energia para a usina para ela transformá-la em energia elétrica. Essa energia está sendo fornecida pelo compressor, na forma de energia de pressão do ar. Resumindo: O compressor converte energia elétrica em energia de pressão, que por sua vez é convertida na usina em energia cinética, que por sua vez é convertida em energia elétrica no gerador.

    elétrica –> pressão –> cinética –> elétrica

    O resultado é que a energia elétrica gerada é menor que a consumida, pois temos 3 processos irreversíveis de transformação de energia. Se não houvesse atrito, a energia elétrica gerada seria igual à consumida.

  11. É muito fácil, a empresa investiu muito em investigação, e como não deu resultado, estão a tentar vender o projeto a toda a gente para recuperar o investimento do mesmo, só que isso soa muito mal, só cai quem quer, se isso fosse verdade já estaria a ser comercializado a muito tempo.

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*