Grupo Integralista Que Atacou Sede do Porta dos Fundos Reivindica Atentado

Sede do Porta dos Fundos

Recentemente foi postado nas mídias sociais um vídeo; onde membros do “Comando de Insurgência Popular Nacionalista da Família Integralista Brasileira” reivindicam atentado com coquetéis molotov na sede do Porta dos Fundos.

Este suposto grupo, que se auto denomina como integralista, nesta quarta-feira (25), reivindicou a autoria do ataque feito à sede do Porta dos Fundos ; atentado este que ocorreu na madrugada da quarta-feira (24). Este ataque foi feito utilizando, pelo menos quatro coquetéis molotov, que foram arremessados a partir da rua contra o prédio do grupo; situado na bairro Humaitá. A polícia coletou os vídeos próximos ao local e iniciou uma investigação.

Liberdade de Expressão?

O vídeo foi postado primeiramente no Whatsapp e no Youtube (veja o vídeo logo abaixo); e mostra alguns integrantes denominados “Comando de Insurgência Popular Nacionalista da Família Integralista Brasileira”; assumindo o atentado e fazendo duras críticas ao programa exibido no Netflix sobre o especial de Natal do Porta dos Fundos chamado A Primeira Tentação de Cristo.

A polêmica se deve principalmente ao fato de que este especial de Natal; mostra Jesus Cristo como homossexual e compõe um triangulo amoroso incluindo Deus e os principais apóstolos. O vídeo do suposto grupo integralista; mostra algumas cenas do ataque sendo feito por homens encapuzados e com roupas que representam os integralistas e uma bandeira que se parece com uma das bandeiras do Brasil Império.

Um dos membros que está sentado, lê com voz eletrônica ou distorcida; um texto reivindicando e justificando a autoria do ataque, chamando este ataque de “ação direta revolucionária” e “justiçamento”.

Veja também:

 

 

 

 

“Atitude Blasfema”

Segue um trecho lido por um dos membros: “Nós do Comando de Insurgência Popular Nacionalista da Família Integralista Brasileira reivindicamos a ação direta revolucionária que buscou justiçar os anseios de todo povo brasileiro contra a atitude blasfema, burguesa e antipatriótica que o grupo de militantes marxistas culturais Porta dos fundos tomou quando produziu seu especial de natal a mando da mega corporação bilionária Netflix, deixando claro para todo o povo brasileiro, mais uma vez, como o grande capital anda de mãos dadas com os ditos socialistas”.

Ele também afirma que o Porta dos Fundos procura “destruir o nosso povo, nossas crenças, nosso patrimônio imaterial; com o intuito de nos enfraquecer”. “O Porta dos Fundos resolveu fazer um ataque direto contra a fé do povo brasileiro se escondendo atrás do véu da liberdade de expressão. Esses malditos servos do grande capital blasfemaram contra o Espírito Santo quando chamaram nosso senhor Jesus Cristo de bastardo e Maria de prostituta de adúltera”, disse um dos membro do grupo integralista.

A Sede do Porta dos Fundos publicou uma nota no Facebook; onde o grupo “condena qualquer ato de violência e, por isso; já disponibilizou as imagens das câmeras de segurança para as autoridades e espera que os responsáveis pelos ataques sejam encontrados e punidos”.

Nota do Blog

Em primeiro lugar não estamos defendendo a atitude do grupo integralista, mas queremos enfatizar que ninguém pode se esconder atrás da bandeira da liberdade de expressão e fazer o que quiser, existem limites, e estes devem ser respeitados; caso contrário, tudo vira bagunça. O fato do grupo fazer críticas tão polêmicas ao Cristianismo; vai mexer com a fé de centenas de milhões só de brasileiros e não podemos esquecer os cristãos do mundo todo. Isto é uma ofensa e uma agressão a fé das pessoas, e esta fé deve ser respeitada.

1 Trackback / Pingback

  1. Falhas de Filmagens Que Você Não Percebeu - Falar Sobre

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*